Psicoterapias Psicodinâmicas Breves: Uma Evolução

“Aceleração” do Processo Terapêutico

Historicamente, uma das grandes preocupações das psicoterapias é o alívio do sofrimento emocional do ser humano, no menor tempo possível.

Nas psicoterapias psicodinâmicas breves, os conceitos de foco, dinâmica central ou conflito central são alguns exemplos da adoção de uma via que vá mais diretamente ao cerne da dinâmica que necessita atenção, trabalho e reorganização em direção à saúde.

No modelo AEDP-NeuroPsicoTerapia, o conceito de “aceleração” contempla essa perspectiva adotando uma metapsicologia onde o foco é na experiência emocional de transformação no aqui-e-agora da relação terapeuta-paciente.
Esta é uma experiência poderosa que libera o processo transformacional.